Enquete: 64% dos internautas são contra abertura do comércio em São Sepé


 

As medidas de isolamento social foram postergadas pelo governo municipal em São Sepé nesta semana. Com isso, apenas atividades entendidas como essenciais – como vinculadas à alimentação, bancos ou postos de combustíveis – seguem com autorização para funcionar. A principal justificativa é o combate à disseminação do novo coronavírus.

Apesar das ações que tem buscado afastar o convívio social com o objetivo de não sobrecarregar o sistema de saúde em caso de um surto do vírus, alguns grupos tem questionado a manutenção das medidas, principalmente, preocupados com a economia. Nas redes sociais alguns comerciantes e profissionais autônomos pedem que o funcionamento de lojas, por exemplo, seja liberado.

Na noite da última segunda, o jornal O Sepeense publicou uma enquete questionando os leitores sobre a abertura ou não do comércio em São Sepé. A pergunta foi respondida por cerca de 2,6 mil pessoas. O resultado final foi de 921 votos a favor do retorno das atividades comerciais e 1,6 mil votos contrários, pelo menos por enquanto, da reabertura das empresas. O número total representa 36% a 64% dos votos, respectivamente.

Para ler a íntegra do decreto, clique aqui.

 

 

 

Comments are closed.