Seguem as buscas ao suspeito de matar quatro pessoas em Pinhal Grande

cabecalho-okk


Foto: divulgação/Raul Pujol

Foto: divulgação/Raul Pujol

Seguem de forma ininterrupta as buscas ao agricultor Ariosto da Rosa, suspeito de matar quatro pessoas na manhã de terça-feira, 29 de novembro, em Pinhal Grande. Participam da operação de captura policiais do Pelotão de Operações Especiais (POE), Batalhão de Operações Especiais (BOE), além de agentes da Brigada Militar e Polícia Civil.

Na quarta-feira, 30 de novembro, foi encontrado o Fiat Uno do suspeito. O veículo, com placas de Júlio de Castilhos, estava em uma propriedade rural, próximo à casa de uma das vítimas.

Rosa matou a enteada, de 16 anos, Bianca Moraes de Salles, com um tiro na cabeça dentro da casa onde ela morava. Em seguida, saiu e atirou contra um adolescente de 17 anos e um menino de 10 anos que estariam esperando um ônibus escolar em uma parada. Os dois chegaram a ser socorridos mas não resistiram aos ferimentos. O adolescente foi identificado como Alex Cardoso Leal e o menino como Iran Gonçalves dos Santos. Um homem de 60 anos, identificado como Afonso Gonçalves, também foi assassinado. Ele estava em sua propriedade particular alimentando animais quando foi morto.

Foto: divulgação/Polícia Civil

Foto: divulgação/Polícia Civil

 

rodape-1

 

Comments are closed.