Professora e aluna da rede municipal recebem medalha Odeci Saldanha

0
680


 

Na sessão solene anual da Câmara de Vereadores, alusiva ao aniversário de São Sepé, uma das homenageadas da noite foi a aluna Cassandra Neves, da Escola Municipal Eno Brum Pires, que recebeu a Medalha Odeci Saldanha. A Medalha Odeci Saldanha, é uma honraria conferida a um aluno e um professor de destaque na rede municipal de ensino. As escolas do município enviam os seus representantes para uma comissão avaliadora escolher os dois nomes.

A medalha Odeci Saldanha foi entregue também para a professora Eoelma Oliveira da Cunha, educadora destaque na rede municipal e que trabalha na EMEI Liberata, no Bairro Pontes. Nascida em Candelária, casada com Adenir Silveira da Cunha e mãe de Jonatas Oliveira da Cunha. Aos 16 anos de idade veio morar em São Sepé, onde terminou seus estudos no Instituto Estadual Tiaraju e posteriormente cursou o magistério na Escola Madre Júlia. Em 2016, foi aprovada no concurso municipal para professora de educação infantil e atua na EMEI Dona Maria Liberata Fraga Prates desde então. A escola que já a indicou mais de uma vez, nesse ano comemora a seu lado essa merecida homenagem pelo reconhecimento de sua dedicação profissional e entusiasmo com a educação.

A aluna destaque é estudante da Escola Eno Brum Pires, filha de Lidroneta Costa Neves e João Antônio Rosa Neves, irmã gêmea de Claiton Costa Neves. Cassandra mora no interior do município, na localidade do Baixo-Grande. Ela diz ter ficado orgulhosa pela conquista, por amar estudar desde sempre, porque acredita que a arma do conhecimento é a única capaz de transformar o mundo em um lugar mais justo.

“O conhecimento é a base para qualquer sonho e o respeito é transformador, se todos respeitassem as pessoas como elas realmente são, sem tentar muda-las não haveria tanta violência e o mundo seria um lugar muito melhor. Algo bem importante sobre mim é que eu amo lutar pelo que acredito”, destacou.