Vereador cobra informações sobre medidas adotadas pela Prefeitura de São Sepé


O vereador Tavinho Gazen (PDT) protocolou três pedidos de informações, durante a sessão ordinária de terça-feira, 8. O primeiro requerimento apresentado solicitou estudos de engenharia sobre a segurança nas pontes e bueiros nas estradas e corredores municipais, com sinalização da capacidade de carga e a proibição do ingresso de mais um veículo ao mesmo tempo sobre as pontes existentes, especialmente a que dá acesso ao 3º Distrito. O pedido foi motivado após a queda da ponte do São Rafael quando uma carreta carregada de grãos tombou junto com a estrutura.

Tavinho também trouxe a plenário uma preocupação com relação aos motoristas da prefeitura e protocolou um pedido solicitando informações sobre a procedência ou não da exigência de cobrança do servidor motorista do pagamento de franquia de seguro em caso de acidentes com veículos do município, mesmo quando estiverem em uso de serviço. Segundo ele, um servidor teria relatado que o valor da franquia da nova seguradora responsável pelos veículos é de R$ 2 mil reais, enquanto o valor antigo variava entre R$ 300 a R$ 500 reais.

“Se por acaso acontecer algum sinistro o motorista sabe que vai pagar, então vejam que um acidente é um risco que eles correm além do prejuízo que pode comprometer o salário”, afirmou o vereador.

” Não estou afirmando, mas estou trazendo o que me foi relatado por um servidor, é nossa obrigação fiscalizadora, temos que ver uma solução, me parece que precisa ser repensada”, disse Tavinho sobre a nova contratação da seguradora dos veículos.

Por último, o vereador cobrou informações sobre a contratação de estagiários que estão atuando como professores em turmas de alunos em escolas municipais. Segundo Tavinho, existem professores aguardando nomeações. “Isto se confirmado é grave e não pode acontecer, estou repassando a vocês em cima daquilo que me foi relatado”, afirmou ele.

Atento aos pedidos do vereador, o líder do Governo, Eto Vargas (PP) disse que irá buscar as informações necessárias. ” Vamos atrás dos esclarecimentos e nosso dever é este, sempre manter um bom diálogo entre e a Câmara e a Prefeitura”, disse o vereador.

 

 

Fonte: A.I. Câmara de São Sepé