Sementes de maconha vieram das ilhas Bermudas e Inglaterra, diz Polícia


Foto: divulgação

Na manhã de sexta-feira, 28, a Polícia Civil realizou uma operação no interior de São Sepé que resultou na descoberta de uma plantação de maconha na localidade de São Rafael.

Além das diversas plantas, os policiais apreenderam R$ 1.500 reais e $ 200 dólares. Duas espingardas, um revólver, uma pistola e drone também estão entre materiais recolhidos. À Polícia, o homem disse que o produto era destinado para consumo próprio. Parte da droga também estava enrolada em jornais. Na propriedade rural os policiais encontraram uma espécie de contêiner em meio ao matagal que tinha até ar condicionado. Dentro, vários pés de maconha cultivados e um sistema de iluminação montado.

Em entrevista ao programa Espaço Livre da Rádio Cotrisel, o Delegado Antônio Firmino de Freitas Neto informou que desde 2013 já haviam informações sobre uma plantação de maconha no município sepeense. Porém, foram nos últimos três meses que a investigação foi intensificada a partir de informações que a Polícia Civil conseguiu descobrir.

“A gente foi verificar nos nossos arquivos e em 2013 a gente já tinha informações. A partir daí, quando a gente assumiu aqui [em São Sepé], as informações começaram a ficar melhores e fomos intensificando, e essa semana melhorou, até porque a gente teve uma informação mais precisa do local”, explica Firmino.

Com as informações em mãos, a Polícia Civil de São Sepé representou junto ao Poder Judiciário pelo mandado de busca e apreensão, no qual foi deferido pela justiça. Os policiais foram até a localidade de São Rafael na manhã de sexta-feira, 28, e cumpriram com êxito a operação que resultou na apreensão de pés de maconha e de um organizado sistema de cultivo da droga.

“Apreendemos uma grande quantidade de maconha, uma estufa altamente especializada com ambiente climatizado, temperatura controlada e luz alogênia com um catalizador para acelerar o processo”, conta.

Em depoimento, o homem preso na operação informou ao Delegado Firmino que a maconha é de alta qualidade, por isso era necessário todo investimento e cuidado com o cultivo. Ele informou ainda à Polícia Civil que a semente da maconha veio das ilhas Bermudas (onde disse ter morado) e da Inglaterra. Ao Delegado, o preso ainda disse que aprendeu a técnica nas ilhas Bermudas e que houve uma facilidade em adquirir as sementes.

“Nenhum traficante assume que vende, todos dizem que é para consumo. Este senhor disse que era para consumo próprio. Ora, uma quantidade dessa só se for para consumo dele e de toda São Sepé”, ponderou Firmino.

Além da droga ilícita, a operação apreendeu quatro armas na propriedade do homem de 60 anos e diversos materiais utilizados no cultivo. Ele responderá por tráfico de entorpecente e por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Ele segue no Presídio Estadual de São Sepé.