Hospital Regional de Santa Maria apresenta balanço do primeiro mês de atendimentos


 

A direção do Hospital Regional de Santa Maria e o Governo do Estado promoveram, na tarde de quinta-feira, 9, uma coletiva de imprensa para apresentar um balanço dos atendimentos realizados no complexo hospitalar no primeiro mês de funcionamento. Conforme os dados, em 17 dias úteis de operação, foram 154 pacientes atendidos, 907 consultas e 53 exames realizados no Ambulatório de Doenças Crônicas (veja os dados especificados abaixo).

O prefeito Jorge Pozzobom e a secretária de Saúde de Santa Maria, Liliane Mello Duarte, acompanharam as explanações realizadas pelo secretário de Saúde do Estado, Francisco Paz, e pelo diretor administrativo do Regional, Elvis Preslli Prestes.

“São quase mil consultas realizadas em 17 dias úteis. E todas as pessoas atendidas são recebidas de forma acolhedora, com carinho e profissionalismo. Temos que parabenizar a equipe de funcionários do hospital pelo trabalho, e destacar que o Hospital Regional tem dado transparência ao explicar os passos programados, primeiro com esse atendimento ambulatorial e, em até dois anos, a expectativa de se chegar ao pleno funcionamento do hospital”, enfatizou o prefeito Jorge Pozzobom.

Foto: Luiz Chaves/Palácio Piratini

Durante a apresentação dos dados, o diretor administrativo do Regional, Elvis Preslli Prestes, destacou os passos dados no complexo desde antes da abertura, como a adequação estrutural, a contratação dos profissionais, as ações de humanização e acolhimento, bem como a promoção de oficinas e capacitações que estão sendo realizadas aos funcionários.

Na oportunidade, o secretário Francisco Paz destacou que tem um plano operacional a cumprir, que foi realizado pela consultoria do Hospital Sírio Libanês, e que está sendo seguido dentro do indicado. Paz ressaltou ainda que a região tem cerca de 21 mil pacientes que precisam ser continuamente acompanhados em hipertensão e diabetes. Ainda, o secretário informou que, na próxima semana, será instalado um parque de aparelhagem de exames de imagem (como tomografia, raio x, ecografias, entre outros) e que, ao longo dos meses, os demais serviços irão sendo estruturados.

“Estamos satisfeitos em como o Instituto de Cardiologia vem conduzindo a implantação dos serviços. Esse ambulatório não é o hospital, mas é, sim, parte dele. Significa que colocamos o prédio em funcionamento, para ser avaliado e estruturado para, gradativamente, receber todos os serviços que compõem um hospital. Os demais setores serão implantados à medida que formos vencendo as dificuldades técnicas, organizacionais, orçamentarias e profissionais. Pelo planejamento do Hospital Sírio Libanês, em 20 meses deveremos ter toda a estrutura do hospital em condições de atendimento. São 20 meses para a estruturação plena do Regional e 36 meses para atingir o máximo da sua produtividade”, explicou Francisco Paz.

 

ESTATÍSTICA DO PRIMEIRO MÊS DE OPERAÇÃO

De 09/07 a 13/07: 27 pacientes atendidos, 182 consultas realizadas

De 16/07 a 20/07: 42 pacientes atendimentos, 265 consultas realizadas

De 23/07 a 27/07: 61 pacientes atendidos, 362 consultas realizadas

De 30/07 a 31/07: 24 pacientes atendidos, 98 consultas realizadas

Total: 154 pacientes atendidos, 907 consultas realizadas

 

NÚMERO DE CONSULTAS POR ESPECIALIDIADES

Enfermagem: 146 consultas

Psicologia: 146 consultas

Assistente Social: 146 consultas

Nutricionista: 146 consultas

Cardiologista: 81 consultas

Nefrologista: 65 consultas

Endocrinologista: 43 consultas

Vascular: 134 consultas

Total: 907 consultas

 

EXAMES REALIZADOS

Aorto Abdominal Ecodoppler: 1

Aorto Renal Ecodoppler: 2

Arterial Unilateral Ecodoppler: 2

Arterial Bilateral Ecodoppler: 2

Carótidas e Vertebrais Ecodoppler: 7

Ecocardiograma C/MFC: 15

Eletrocardiograma: 20

Holter de 24 horas: 1

MAPA de 24 horas: 1

Teste Ergométrico convencional: 2

Total: 53

 

 

Fonte: Prefeitura de Santa Maria