Obino

Confira os horários e locais de vacinação contra a gripe em São Sepé


 

Foto: Rodrigo Nunes/MS

Teve início no dia 10 de abril mais uma campanha de vacinação contra a gripe em todo país. Na primeira etapa, só podiam se vacinar crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto). A partir dessa segunda-feira, 22, a campanha foi ampliada para os demais grupos prioritários.

Em São Sepé, a população que pertence aos grupos prioritários deverá procurar os postos de saúde Londero, Vila Block, Bairro Pontes, 15 de Novembro, Bairro Tatsch ou UBS Centro para receber a dose da vacina. A campanha segue até 31 de maio.

 

Horários de vacinação

UBS Centro: segundas das 8h às 12h30min e demais dias (terça, quarta, quinta e sexta) no período da tarde das 13h às 16h.

ESF Tatsch: de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h30min. Na quinta-feira à tarde não há vacinação

ESF 15 de Novembro: de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h30min

ESF Vila Block: segundas e quartas-feiras (das 8h30min às 11h30min e das 13h30min às 15h); terças, quintas e sextas-feiras (das 13h30min às 15h)

ESF Pontes: de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h30min. Na quinta-feira à tarde não há vacinação

ESF Londero: de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h30min

 

Quem deve se vacinar?

• Gestantes

• Mulheres que ganharam bebê, até 45 dias após o parto

• Idosos com 60 anos ou mais de idade

• Povos indígenas

• Trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados

• População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional

• Professores de escolas públicas e privadas

• Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais

Estas pessoas deverão levar na unidade de saúde um documento que comprove sua situação.

 

Pessoas de 6 a 59 anos portadoras de doenças crônicas e situações especiais também podem se vacinar desde que levem comprovante de sua doença:

• Doenças respiratórias crônicas

• Doenças cardíacas crônicas

• Doenças renais crônicas

• Doenças neurológicas crônicas

• Doença Hepática Crônica

• Diabetes

• Imunossupressão

• Obesidade

• Transplantes de órgãos sólidos e medula óssea

• Trissomias (Exemplo: Síndrome de Down)