Abertura da Colheita do Arroz 2018 valorizará programação técnica


 

A vigésima-oitava edição da Abertura Oficial da Colheita do Arroz terá uma programação ainda mais técnica do que a de eventos anteriores, com o objetivo de levar um maior conhecimento ao produtor. O evento preparado pela Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), em parceria com o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), será entre os dias 21 e 23 de fevereiro de 2018, ou seja, de quarta a sexta-feira, diferentemente das outras edições.

O local será novamente a Estação Experimental do Arroz do Irga, em Cachoeirinha (RS), que servirá pela quarta vez como sede do evento, como em 2008, 2009 e 2017.

O lançamento da próxima edição foi realizado nesta segunda-feira, 28 de agosto, durante a Expointer, e contou com a presença do governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori. O diretor jurídico da Federarroz, Anderson Belolli, destaca que o objetivo de um evento mais técnico é dar ao produtor condições de fazer uma gestão cada vez mais competente, buscando sustentabilidade econômica/financeira e ambiental. “A própria mudança no calendário da Abertura da Colheita colabora com a realização de agenda com natureza técnica, na medida em que potencializa a realização de eventos com essa característica”, observa.

Fotos: Fagner Almeida/divulgação

Conforme Belolli, as palestras e ações previstas para o evento terão diversos temas já trabalhados ao longo de 2017, como securitização, seguro, comércio exterior, logística, infraestrutura, tributação estadual e federal, além de questões ambientais e técnicas ligadas ao manejo, doenças, entre outros. “Tendo em vista a dificuldade que é o avanço de uma política agrícola efetiva para o setor, é cada vez mais importante que o produtor tenha que trabalhar por si só e busque uma gestão cada vez mais competente, justamente pela dificuldade que encontra fora da porteira”, sinaliza.

A programação contará, em todos os dias do evento, com as já tradicionais vitrines tecnológicas que visam difundir informações aos produtores. Nos espaços das vitrines as empresas voltadas ao agronegócio apresentam palestras demonstrativas por intermédio da sistemática de dia de campo. No último dia do evento, como de praxe, autoridades e produtores poderão acompanhar o trabalho das colheitadeiras na lavoura de arroz preparada especialmente para a ocasião.

Na edição de 2017 da Abertura Oficial da Colheita do Arroz, um grande público se fez presente. Mais de 50% dos produtores de arroz do Rio Grande do Sul compareceram, além de produtores de dez estados brasileiros e representantes de dez países, assim como de universidades, instituições financeiras, seguradoras e traidings. O evento deste ano também contou com 40 caravanas de produtores e colaboradores do Estado gaúcho e de Santa Catarina.

Durante o lançamento, foi fechada uma parceria entre a Federarroz e Pesa, representante Caterpillar no Rio Grande do Sul, com o objetivo de oferecer as soluções da empresa aos associados da entidade. Os arrozeiros terão condições especiais aos produtos da Caterpillar a partir deste momento.

 

 

Fonte: AgroEffective