Obino

Multa por atraso em obra de creche em São Sepé já chega a R$ 2,5 milhões

anuncios - materia


_MG_9619

IMG_2723

A Prefeitura de São Sepé pode receber cerca de R$ 2,5 milhões gerados a partir de multas à empresa MVC, responsável por construir a nova creche do Bairro Lôndero, em São Sepé. A informação é do Procurador Geral do Município, Cláudio Adão Amaral de Souza, que destacou o valor oriundo de uma liminar deferida pela Justiça e confirmada em sede de recurso ao TJ-RS.

Em entrevista ao programa Espaço Livre, da Rádio Cotrisel, Amaral salientou os motivos para paralisação da obra que atinge, além de São Sepé, centenas de cidades do país às quais também dependem do contrato feito pelo Governo Federal. “A MVC não cumpriu com os prazos para construir a creche e também não acatou a liminar que exige a retomada das obras, motivo pelo qual está sofrendo multa de R$ 20 mil por dia”, frisou.

O problema é ainda maior porque a tecnologia utilizada no material da obra é pouco explorada por outras empresas do ramo, o que dificulta a retomada por outra empresa.

 

Fonte: A.I. Prefeitura de São Sepé

Guilherme Motta

Comments are closed.