Hospital Santo Antônio passa a contar com atendimento urológico 100% SUS

0
283


 

Há três anos, o Hospital Santo Antônio realiza atendimentos urológicos com recursos próprios. Na manhã de quinta-feira, 23, a instituição realizou o lançamento do serviço totalmente coberto pelo SUS – Sistema Único de Saúde.

A cerimônia contou com a presença do presidente do Hospital Dr. Dwanny Barragana Fonseca; do Médico Urologista, Dr. Vinicius Martini Correa; do Prefeito Municipal, João Luiz Vargas; da Secretária da Saúde, Carla Pinto; da Secretária Adjunta, Claret Neves; do Vereador e Ex-Presidente do Hospital, Antonio Carlos Araujo Pinto – Dr. Maninho; e membros da diretoria.

“São Sepé passa a contar com esse repasse mensal do governo do Estado graças a sua produtividade”, destacou Dwanny. No município, ocorriam em torno de quatro atendimentos por semana, com o programa, o objetivo é aumentar a demanda e chegar a 180 cirurgias e 240 consultas anuais. “Seguimos trabalhando para que até o final do ano possamos contar com a realização de tomografia e ultrassom no Hospital, para que a comunidade não precise sair de São Sepé para receber atendimento”, acrescentou.

Com isso, todas as quintas-feiras serão agendadas às cirurgias e nas sextas-feiras, às consultas médicas. A Secretária da Saúde entregou nesta manhã, a lista de espera do SUS no município, que conta com cerca de 300 nomes. “A Administração trabalha integrada com o Hospital, buscando sempre avançar no serviço oferecido para nossa comunidade, pois só quem ganha com essa parceria são os munícipes”, apontou a Secretária Carla.

De acordo com o médico responsável pelos atendimentos em São Sepé, Dr. Vinicius, o projeto irá diminuir o tempo de espera. “São Sepé não contava com esse atendimento do SUS, dessa forma, até o paciente chegar ao local de referência – que nesse caso seria Santa Maria, precisava esperar até três meses. Agora, além de diminuir esse período, o município ainda se torna referência na região”, salientou.

A saúde de São Sepé avança em passos firmes. Qualquer questão que envolve a saúde é prioridade para a Administração Municipal”, concluiu João Luiz.

 

 

Informações: A.I. Prefeitura Municipal