fbpx
28 / 05 / 2022
- Publicidade -spot_img
InícioPolíticaContrário à privatização, João Luiz não aceita mudança de contrato da CORSAN

Contrário à privatização, João Luiz não aceita mudança de contrato da CORSAN


Foto: A.I. Prefeitura

 

O prefeito João Luiz Vargas não aceitou a proposta de contrato sugerida pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul para mudança de contrato da CORSAN. Em um ato simbólico, Vargas rasgou o documento. Os deputados gaúchos aprovaram no meio do ano mudanças na forma da concessão dos serviços de saneamento nas cidades, normativa que facilita à privatização da CORSAN.

Em declaração nas redes sociais oficiais da Prefeitura, argumentou que os vereadores de São Sepé assinaram, em unanimidade, o termo de repúdio a troca da CORSAN em São Sepé. “O Governo do Estado está distorcendo o que diz o novo marco do saneamento básico, puxando para novembro uma decisão que os prefeitos têm que tomar em março”, argumentou.

O Governo do Estado diz que não consegue cumprir as novas metas de saneamento estabelecidas pelo marco e afirma que a única maneira de vencer

os prazos estabelecidos pelo Governo Federal é com a venda da estatal. De acordo com a Prefeitura, João Luiz se juntou a outros prefeitos para garantir a concessão à CORSAN sem que o consumidor seja penalizado com o aumento da tarifa prevista pelo Estado do Rio Grande do Sul para 2023.

 

 

* Com informações A.I Prefeitura 

 

Mais notícias
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img