Obino

Clube Visconde do Rio Branco celebrou Semana da Consciência Negra


 

Fotos: Claudiocir Ferreira

O dia 20 de novembro caiu em uma terça-feira este ano. Para muitos foi um dia igual a todos os outros, não é feriado, não tinha jogo da dupla grenal nem da seleção brasileira. Mas para mais da metade da população deste país que, em grande parte, foi construído pela força de trabalho, sangue e suor dos negros trazidos para serem escravos, é um dia de celebração. Este foi o dia em que tombou o guerreiro Zumbi dos Palmares e foi escolhido para ser o Dia da Consciência Negra, e nessa semana exaltar a força desse povo.

A Sociedade Recreativa Visconde do Rio Branco, o Clube do Visconde, o “Condão” como é conhecido por alguns, os mais chegados, sabe disso. Para isso foi criado o clube, para dar espaço a arte e a cultura negra.

O clube é aberto o ano inteiro e recebe a todos com os braços abertos. Conta com atividades culturais como oficinas de teatro, atividades artísticas e culturais e as portas sempre abertas para um bom carteado. Nesta semana as atividades se intensificaram e mais ainda no domingo, 25, quando foi o encerramento da Semana da Consciência Negra.

As atividades iniciaram logo cedo e ao meio dia foi servida uma deliciosa feijoada a partir das 14h iniciou um Sarau Literário e Cultural com dança música, poesia, oficina de turbante e boneca Abayomi. Às 17h o palco foi aberto para apresentações musicais com a participação do público presente. E para o encerramento houve uma ótima apresentação do grupo de samba de raiz “Samba pros Mestres”.

A organização do evento foi da Associação Vila Esperança-AVE e da diretoria do clube, mas contou com a colaboração de muita gente, foi um trabalho realizado por muitas mão que citar nomes seria arriscado, mas todos fazem parte dessa grande família chamada Visconde do Rio Branco. O evento foi um sucesso e deixou todos com gostinho de quero mais, e terá. Está previsto paro dia 9 de dezembro mais uma apresentação do grupo “Samba pros Mestres”.

 

Fonte: Associação Vila Esperança

 

 

 

Comments are closed.