Vereadores de São Sepé encaminham pedidos da comunidade à prefeitura


 

A sessão ordinária de terça-feira, 13, foi marcada pelos discursos com relação aos dez pedidos de providências protocolados na Câmara de Vereadores de São Sepé. As demandas, segundo os vereadores, correspondem os anseios da comunidade que seguidamente encaminham pedidos de melhorias em ruas, estradas do interior, iluminação pública, entre outras.

Os vereadores Lauro Ouriques (PPS) e Zilca Camargo (PDT) solicitaram a recuperação da Avenida Daia Gazen com resíduo asfáltico e a reposição de lâmpadas em alguns pontos da Avenida Júlio Vargas. Já o vereador Tavinho Gazen (PDT) destacou que uma postagem na rede social motivou seu pedido: a urgente fixação da “geladeira de armazenar livros”, localizada na praça das Mercês. Recentemente a geladeira caiu sobre uma criança que ficou levemente ferida.

A situação das estradas no interior continua repercutindo entre os vereadores. Elcio Teixeira (MDB) encaminhou dois pedidos referentes a patrolamento no Corredor dos Gonçalves, no Cerrito do Ouro, e no Barrondão, e um pedido de cascalho no Corredor do Ornato, em Jazidas.

Outros dois pedidos que geraram discussão em torno, foi a retomada da fiscalização na criação de animais nos bairros de São Sepé, sugerido pela vereadora Maria Silveira (PP) e a possibilidade de retirada dos cachorros de rua e suas casinhas, proposto por Elcio Teixeira. A fiscalização, segundo Maria, é uma medida que visa conter a proliferação de animais abandonados nas ruas do município. A medida já vinha sendo feita pelas agentes comunitárias de saúde, que fazem o levantamento de quantos cães cada morador no bairro possui. Já a retirada das casinhas, sugerido por Elcio, é uma maneira de evitar que alguns cães agressivos ataquem as pessoas no passeio público.

Todos os pedidos de providências foram encaminhados para as secretarias responsáveis. O líder do governo, Eto Vargas (PP), prometeu dar uma resposta aos vereadores sobre as demandas apresentadas em plenário e encaminhar junto aos secretários os pedidos da comunidade.

 

 

Fonte: A.I. Câmara de São Sepé