Professores estaduais de São Sepé vão até a Câmara pedir apoio


A representante dos professores estudais de São Sepé, Andréia Barreto, ocupou a Tribuna Livre da Câmara de Vereadores, na terça-feira, 3, para pedir apoio dos vereadores na mobilização dos professores para o fim do parcelamento dos salários dos servidores pelo governo do Estado.

O grupo tem realizado uma série de atos de conscientização sobre a situação da categoria durante a paralisação das aulas nas escolas estaduais.

De acordo com Andréia, o parcelamento, que já dura 22 meses, tem afetado não só as contas dos professores, mas o equilíbrio emocional dos servidores.

“Lutar pelo que é certo não é vergonha”, manifestou.

A classe pede o fim imediato do parcelamento dos salários, solicita que não haja corte do ponto aos professores que aderiram à greve, que seja feita a auditoria dos empréstimos consignados e juros das dívidas dos servidores, uma explicação clara do fluxo de caixa do governo, a realização de um plebiscito para consultar a população sobre o plano de privatização de estatais, entre outros pontos.

 

 

Fonte: A.I. Câmara de Vereadores