Na superação, La Máquina-Casual faz partida enérgica e garante classificação na Série Bronze


Foto: divulgação

Quando pisaram em quadra no Ginásio Melão, na noite do sábado, 5, os atletas e dirigentes do La Máquina-Casual sabiam que o foco estava no jogo em Caçapava do Sul, mas também que a torcida por um tropeço do time do Palmeiras poderia antecipar o sonho de uma classificação inédita para o município na Série Bronze de Futsal. Em uma das disputas mais enérgicas e ousadas da competição, o time sepeense voltou para casa com classificação garantida e com muita determinação para os próximos desafios.

Na partida contra o ACF, o time comandado pelo técnico Humberto Stoduto chegou a abrir vantagem por três gols (com placar de 3×0 e 5×2). Porém, as dificuldades acirraram o confronto e a equipe caçapavana reagiu, redefinindo o placar para 7×5 para os donos da casa. De olho na disputa entre Palmeiras e Serade, em São Borja, Stoduto arriscou e subsitituiu o goleiro Gustavo pelo atleta Lulu, buscando compor a quadra com mais um atleta que ameaçasse a defesa adversária. A tática deu certo e o jogo voltou a ser dominado pelo time de São Sepé que virou o placar para 8×7. Faltando alguns segundos para o encerramento da partida, um “deslize” deixou tudo igual. Mesmo com o 8 a 8, o La Máquina garantiu a presença na 2ª fase, já que a disputa em São Borja terminou empatada em 2 a 2.

Já com os jogos concluídos, o time sepeense aguarda a definição da última rodada, quando saberá o próximo desafio. O treinador Humberto agradeceu o empenho da equipe e da torcida. “A gente sempre acreditou que podia. Começamos com desafios, tivemos dificuldades, mas soubemos superar dentro das nossas possibilidades. A classificação é a prova que estamos no caminho certo”, destacou.