Museu de Ufologia em Itaara recebe festival com temática extraterrestre


Foto: Jean Pimentel/DSM/reproduçãoTuristas, estudiosos ou simplesmente curiosos participam de 3 a 25 de fevereiro do 2° UFO Festival, em Itaara. A atividade é realizada pelo Museu Internacional de Ufologia, História e Ciência o primeiro e único da América Latina que apresenta temática extraterrestre. Além de visitantes gaúchos, o evento reúne participantes de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Santa Catarina, e também argentinos e uruguaios.

A programação do UFO Festival continua no próximo final de semana e feriadão de Carnaval com a temática “Arquivos X: ficção ou realidade? Seria a famosa série de TV Arquivo X inspirada em fatos reais sobre avistamentos de UFOs e abduções por alienígenas nos Estados Unidos? O que o governo americano oculta sobre o caso Roswell (queda de um UFO em 1947 no Novo México) , Área 51 e ovnis na Lua?”.

O festival ainda aborda os “arquivos X brasileiros”, questionando possíveis documentos secretos sobre avistamentos de Ovnis. O debate é baseado em registros feitos pela Aeronáutica dos anos 50 até os dias atuais. Segundo os estudiosos, são mais de 4500 páginas a respeito deste fenômeno – tendo os Centros Integrados de Defesa Aérea e Trafego Aéreo (CINDACTA) formulários padrões para os relatos de avistamentos. “E porquê um dos casos mais famosos da ufologia brasileira – Caso Varginha – não teve documentação liberada?Será que há acobertamento ou simplesmente o caso não foi investigado pelas autoridades governamentais?”, discutem os participantes.

O UFO Festival em Itaara oferece ainda visita guiada onde o público será levado às recriações dos cenários, ficando frente à frente aos personagens de clássicos da ufologia. Poderão também ver de perto a documentação oficial já liberada pelos governos americano e brasileiro sobre estes casos.

A programação completa do 2° UFO Festival está no site www.museufo.org.br.

 
Valores de ingresso

R$ 20,00 público adulto

R$ 10,00 crianças de 6 a 12 anos.

Meio ingresso para idosos e estudantes com carteira nacional

Crianças até 6 anos não pagam ingresso