Obino

Morre o tradicionalista Valdiocir Bolzan



O tradicionalista e contabilista Valdiocir Bolzan morreu no início da manhã desta quarta-feira, 29, em São Sepé. Ele tinha 74 anos e era um dos símbolos da cidade, já que carregava parte da história de São Sepé em suas memórias. Bolzan foi também colunista do jornal O Sepeense.

Ele ficou conhecido no município pelo envolvimento com entidades como o CTG Os Maragatos e, principalmente, pela paixão às tradições gaúchas. Valdiocir manteve por anos um programa na rádio Cotrisel – e atualmente na rádio Pulquéria FM – onde entrevistava figuras ilustres da cidade e recordava o passado.

Homem de amigos em todos os setores, Bolzan também atuou na área contábil junto da esposa.

Ele foi vítima de infarto e os atos fúnebres ocorrem no CTG Os Maragatos. O sepultamento será no Cemitério Municipal de São Sepé.

Valdiocir deixa a esposa e dois filhos.