Obino

Governo do RS quita folha de março do Executivo


 

O governo do Rio Grande do Sul concluiu na segunda-feira, 22, o pagamento referente a março da folha dos servidores e pensionistas vinculados ao Executivo. As matrículas foram divididas conforme o valor da remuneração – os que ganham menos foram os primeiros a receber.

Os depósitos realizados na manhã desta segunda foram destinados à última das cinco faixas salariais, composta pelos servidores que ganham acima de R$ 12 mil. O pagamento segue calendário que havia sido divulgado pelo Piratini no final de março.

Conforme o governo, o estado tem 342.912 mil vínculos, e a folha totalizou R$ 1,262 bilhão no mês passado.

O escalonamento de salários do funcionalismo começou na gestão de José Ivo Sartori (MDB), após um período de parcelamentos, devido à escassez de recursos nas contas do governo.

De acordo com o governador Eduardo Leite (PSDB), o Rio Grande do Sul encerrou 2018 acima do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para as despesas com pessoal no Poder Executivo, e também acima do limite máximo do endividamento.

O limite prudencial para gastos com pessoal é de 46,55%. O estado encerrou com 46,59%. As despesas do estado cresceram além da inflação. “Isso já exige restrições em nomeações para o estado”, explicou o governador, em janeiro.

 

 

Fonte: G1 RS