Estado paga salários até R$ 1.600 líquidos ainda nesta quinta-feira


Foto: Alex Rocha/Palácio Piratini

O governo do Estado paga, ainda nesta quinta-feira, 30, os salários para os servidores com rendimento líquido entre R$ 1.200 e R$ 1.600. Para atender a este grupo de funcionários vinculados ao Poder Executivo (53.402 matrículas), a Secretaria da Fazenda precisou dispor em caixa R$ 80,6 milhões. No acumulado, são agora 114.541 vínculos (33% do funcionalismo) com os salários de novembro pagos integralmente no último dia útil do mês.

O crédito estará disponível para saque na rede bancária no início da noite. Ainda na parte da manhã, a Fazenda já havia creditado os salários integrais para quem ganha, líquido, até R$ 1.200, o que representa 61.139 servidores (18% dos vínculos). A folha líquida de novembro para as 342.646 matrículas do Poder Executivo (ativos, inativos e pensionistas) ficou em R$ 1,188 bilhão (sem considerar as consignações – empréstimos bancários).

Segue a previsão de pagar os demais servidores até o dia 13 de dezembro, de acordo com o ingresso de receita.

Também nesta quinta-feira foi creditada a última parcela (12ª etapa) do 13º salário de 2016 para todos os servidores (independente do vencimento líquido), o que representou outros R$ 102 milhões. Os funcionários vinculados às fundações (celetistas), por sua vez, receberam a metade do 13º salário de 2017, o que representa cerca de R$ 12 milhões.

Ao longo do mês de novembro, a arrecadação líquida ficou em R$ 2,441 bilhões, enquanto que as despesas chegaram a R$ 3,581 bilhões (incluindo o valor de R$ 995 milhões da folha de outubro). Receitas extraordinárias previstas para este mês, como a antecipação dos créditos do Fomentar RS, acabaram não se confirmando, o que elevou a insuficiência financeira para R$ 1,140 bilhão no período.

 

Folha salarial de novembro – Servidores do Poder Executivo

– 30/11 (manhã) – até R$ 1,2 mil líquidos (61 mil matrículas) – R$ 59,7 milhões

– 30/11 – 12ª parcela do 13º salário de 2016 (100% dos servidores) – R$ 102 milhões

– 30/11 – 50% do 13º salário para servidores das fundações – R$ 12 milhões

– 30/11 (noite) – até R$ 1,6 mil líquidos (114 mil matrículas) – R$ 80,6 milhões

 

 

Fonte: Sefaz