Em Brasília, prefeito Léo Girardello encaminha pedidos para São Sepé


 

Foto: divulgação

O prefeito de São Sepé, Léo Girardello, está desde o início desta semana em Brasília para participar da Marcha em Defesa dos Municípios. Além de participar do encontro que debate os desafios dos municípios, o prefeito aproveitou para participar de oito audiências em ministérios.

O presidente da Câmara de Vereadores, Janir Machado (PP), o vereador Elcio Teixeira (MDB), e o vereador Renato Rosso (PP), também estão em Brasília participando da Marcha.

No Ministério da Ciência e Tecnologia, a pauta foi o projeto para viabilizar internet para o interior do município. No Ministério do Turismo foram solicitados recursos para revitalização da Praça das Mercês e construção de uma rua coberta em frente ao Centro Cultural.

No Ministério da Agricultura o prefeito pediu recursos para compra de um rolo compactador para auxiliar na recuperação das estradas do interior. No Ministério dos Esportes, liberação de cerca de R$ 800 mil para o ginásio do novo loteamento localizado na Avenida Marechal Idelfonso de Moraes e complemento final para as arquibancadas do Pamade.

Já no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) os representantes de São Sepé solicitaram recursos para retomada das obras da creche do Bairro Lôndero, parada há vários meses, e para a cobertura das quadras esportivas das escolas municipais.

No gabinete da Senadora Ana Amélia Lemos, Girardello solicitou verba para compra de uma mais uma ambulância e gabinete dentário. Já no gabinete do deputado federal Luiz Carlos Heinze o prefeito reforçou o pedido para compra de um rolo compactador e recursos para pavimentação.

No encerramento das audiências, no Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, o prefeito solicitou demandas para construção dos prédios próprios do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) e Casa de Passagem (ambos atualmente em espaços alugados pela prefeitura), Centro de Convivência do Idoso, ampliação do CRAS, VAN para a APAE e a posse do prédio do INSS em São Sepé.