Aluno de Dona Francisca é destaque na Olimpíada Brasileira de Matemática


Com muita dedicação e esforço, Leonardo Alberto do Nascimento, de 17 anos, estudante de Dona Francisca, conquistou pelo terceiro ano consecutivo a Menção Honrosa como um dos destaques da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Concurso, que é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e tem como objetivo estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área foi realizado em várias etapas ao longo deste ano em praticamente todos os municípios do país.

Concluindo o último ano do Ensino Médio na Escola Estadual Maria Ilha Baisch (MIB), Leonardo chegou até a terceira fase das provas, concorrendo com outros 17 milhões de alunos de 47 mil escolas do Brasil. “Eu me dedico muito aos estudos, principalmente em matemática e física que é o que eu gosto de estudar. Acho que isso me levou a essa conquista da Menção Honrosa. Nos outros anos eu me dediquei bastante e, neste, não foi diferente, quando pude estudar um pouco mais que os outros”, explicou o estudante em entrevista à Rádio Integração.

Foto: Norton Avila/Rádio e Jornal Integração

A aplicação da prova nas escolas serve de estímulo ao estudo e para testar o conhecimento dos alunos das escolas públicas na área de matemática. Neste quesito, Leonardo sempre foi dedicado e contou com o apoio dos pais: “Meus pais sempre puxaram meu pé para estudar bastante porque, realmente, quem não estuda não tem futuro. Para ter um futuro bom é preciso muito estudo para conseguir ser alguém na vida. O tempo que a gente investe no estudo não é perdido porque sempre irá render frutos logo ali na frente”.

Agora, depois de concluir os estudos na MIB, a rotina de estudos tem sido mais intensa. Isso porque ele está frequentando cursinho pré-vestibular em Santa Maria, se deslocando todas as tardes para as aulas, retornando somente no final da noite. Mesmo em casa, não abandona os livros e cadernos, pois quer prestar vestibular para Engenharia Civil na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Para os colegas e amigos que acham que para se ter conhecimento ou inteligência é dom, Leonardo destaca a sua dedicação e o apoio dos pais para a boa formação: “Digo para sempre estudarem cada vez mais porque o estudo sempre leva a gente para frente. Aos pais, que incentivem os filhos porque sem os meus pais eu não seria nada do que eu sou hoje”.

 

 

* Rádio e Jornal Integração